Publicado Em: dom, out 16th, 2016

Palmeiras bate Figueirense e volta a abrir distância na ponta; Figueira se complica

RESUMÃO

Por: Rodrigo Faber, Florianópolis

  • G1.com

    O Palmeiras venceu o Figueirense por 2 a 1, neste domingo, no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, e ainda contou com a preciosa colaboração do Internacional, que venceu o Flamengo, por 2 a 1, em Porto Alegre. Com a soma dos dois resultados, o Verdão volta a abrir quatro pontos de folga na liderança do Brasileirão, a sete rodadas o fim. Jean marcou os dois gols do Verdão; Rafael Silva descontou para o Figueira, que continua em situação bem delicada. Com 32 pontos, está em 18º lugar.

  • DESTAQUENA REDEJean marcou os dois gols do Palmeiras; Rafael Silva descontou para o Figueirense. Veja:

  • DESTAQUECOMO FICA

    Com a vitória, o Verdão vai a 64 pontos. O Flamengo tem 60. Já o Figueirense, com 32, agoniza na zona de rebaixamento. Essa diferença pode aumentar se o time baiano empatar ou vencer o Sport, em Recife, ainda neste domingo. Veja a classificação.

  • DESTAQUEARBITRAGEM POLÊMICA

    A atuação do árbitro Igor Benevenuto foi bastante contestada. O pênalti que gerou o primeiro gol do Palmeiras não aconteceu, de acordo com o comentarista de arbitragem da TV Globo Leonardo Gaciba. O ex-árbitro também achou que o juiz deixou de marcar um pênalti a favor do Figueirense. Ambos os lances foram na segunda etapa.

  • DESTAQUESEGUNDO TEMPO

    O Palmeiras voltou muito melhor do intervalo, criou duas boas chances e, na terceira, abriu o placar. O gol, porém, saiu em lance polêmico. Aos 7, Gabriel Jesus disputou bola no alto com Bruno Alves, que levantou o cotovelo. Após o choque, os dois caíram, e o árbitro marcou pênalti. Jean bateu no meio do gol para abrir o placar. Os catarinenses reclamaram muito. Depois, Rafael Silva sofreu pênalti de Egídio, mas a arbitragem mandou seguir. Aos 32, o Palmeiras marcou o segundo, com Jean; Aos 35, Rafael Silva descontou.